B2B e B2C

O marketing de conteúdo se mostra de diferentes formas. A estratégia depende do público-alvo e dos objetivos da empresa. Por isso que há diferenças entre conteúdo para B2C (Business to Consumer) e B2B (Business to Business).

Em linhas gerais, o conteúdo B2B se destina a executivos e influenciadores de empresas, enquanto o marketing B2C busca alcançar clientes final em busca de um serviço ou produto. Conheça mais detalhes sobre as principais diferenças entre marketing de conteúdo B2B e B2C.

Diferenças entre B2B x B2C

O marketing B2C traduz as transações feitas entre a empresa e o consumidor final. Já o B2B se traduz em transações entre empresas, ou seja, em que uma empresa comercializa produtos para outra empresa.

Além de se diferenciarem por seu público-alvo, empresas B2B e B2C usam diferentes estratégias de marketing para chegar a eles, já que é necessário linguagem e abordagem diferentes para tratar do consumidor final e de uma empresa.

O B2C, que é dirigido para as massas, tem por definição entender e ir atrás das necessidades básicas e desejos desse público. Por isso, grande parte das campanhas são focadas em relacionamento e conversão de vendas. Por sua vez, o B2B se dá de maneira mais prática, focando na redução de custos, crescimento do lucro e geração de leads com boa qualificação.

Canais de comunicação

Os canais utilizados para colocar o B2C ou B2B em prática até podem ser iguais, e geralmente são utilizados blogs, redes sociais, email marketing ou lojas virtuais. A diferença se encontra na forma de uso desses meios de comunicação.

No caso do B2C, é importante focar no marketing de relacionamento. Isso significa um conteúdo relevante e forma de expressão clara e direta para se relacionar com o público.

Já no B2B, o investimento em canais de nicho é mais importante. Com ciclos de venda mais longos, o B2B exige foco na geração, segmentação e nutrição contínua de leads, para que a educação do mercado se traduza em vendas no médio e longo prazos.

Razão e Emoção como fator decisivo

No caso do B2C, entende-se que já existe uma demanda latente e basta um estímulo para que as pessoas que sentem necessidade por um produto ou serviço o comprem. Enquanto o marketing B2C pode trabalhar mais o lado emocional em suas ações, o B2B faz uso de dados e informações que ajudem na tomada de decisão, já que o público corporativo requisita mais ferramentas de prova de conceito e cálculos de custo versus benefícios.

Tanto os consumidores finais quanto as empresas sentem maior credibilidade e conforto para fechar o negócio após ler conteúdos de relevância e alto valor informativo sobre tudo o que será comercializado. Por isso o bom conteúdo, independente do tipo de mercado, é a base para construir relevância.

Agora que você entende a diferença entre os conteúdos que pode oferecer a cada segmento, acesse nosso artigo e entenda como produzir conteúdos mesmo se você ainda não tem visitantes!

 

Conteúdo publicado originalmente em 31/07/2014*

Previous ArticleNext Article

This post has 1 Comment

1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Espere! Não esqueça de assinar nossa newsletter

Acesse conteúdo premium sobre marketing de conteúdo:

Suas informações de contato nunca serão usadas para enviar qualquer tipo de SPAM.