Uma estratégia muito interessante para seu negócio, não importando o tamanho da sua empresa é a junção de marketing de conteúdo e storytelling. Nosso artigo gira em torno do conceito de que usar experiências de sua marca com clientes em conteúdos de alta performance é uma ótima maneira de elevar os resultados de seu marketing. Quer saber mais sobre o assunto? Confira:

Entendendo o Storytelling

O storytelling se trata de um método em que se utiliza palavras ou recursos audiovisuais para transmitir uma história. Esta história pode ser contada de improviso ou pode ser mais trabalhada, elaborada previamente. O termo é muito utilizado no contexto da aprendizagem, sendo uma maneira importante de transmitir elementos culturais, como regras e valores éticos.

É impossível definir quando e onde o storytelling começou a ser usado, já que contar histórias sempre foi uma das grandes ferramentas que o ser humano usa para engajar outras pessoas. Estima-se que antes mesmo do surgimento da linguagem escrita, o homem já se valia de narrativas orais, transmitindo histórias de geração em geração. Mas por que esta técnica se torna tão importante? Pelo fato do ser humano ter maior facilidade em estabelecer ligações interpessoais através do ato de contar e ouvir histórias.

Storytelling e Marketing de Conteúdo

Atualmente, o storytelling se faz presente em várias áreas de expressão como cinema, televisão, literatura, teatro, videogames e, claro, o marketing. Em plena era da informação, o excesso de conteúdo pode tornar muitas estratégias inúteis. Principalmente na web, onde tudo é rápido demais e onde muitas empresas estão lutando para atrair a atenção de clientes.

O perfil de receptação mudou, e o consumidor pode desenvolver certa defesa, tornando-se imune ao marketing tradicional. A partir daí, o Inbound Marketing e, consequentemente, o marketing de conteúdo, tornam-se essenciais. Partindo desse principio, se unirmos o ato de contar histórias, ou seja, o storytelling a essas estratégias, estamos usando de mais um artifício para ganhar a atenção do público alvo. Visto que contar histórias interessantes é uma das maneiras mais eficazes para atrair pessoas.

Como fazer essa ponte?

Através da produção e distribuição de conteúdo, com temas baseados nas dores e necessidades de seu público-alvo, as marcas conseguem uma maior aproximação e se tornam referência. Tudo porque uma boa história revela as vantagens que a empresa traz para a vida do consumidor. Entretanto, não ache que sair por aí contando história sem alguma estratégia irá surtir algum efeito. É preciso definir quais as melhores histórias para seu público e transformá-las em conteúdo forte, atrativo e com o máximo de valor agregado.

Mas como é possível transformar as histórias de sucesso de minha empresa em conteúdos matadores? O primeiro passo é ter a história. Qualquer experiência que possa ser útil e tenha o potencial de envolver outras pessoas. Uma ótima expêriencia com um cliente, o relacionamento com os colaboradores, a superação de uma crise e por aí vai. Uma boa dica é verificar seus cases de sucesso, escolher as que sugerem maior potencial de narrativa e transferir a vivência para o formato de conteúdo que melhor se encaixar em sua estratégia. Pode ser um artigo, ebook, podcast, vídeo e etc.

Vale ressaltar que o stroytelling não se limita apenas aos casos verídicos, podendo ser composto com narrativas fictícias, desde que o bom senso sirva como parâmetro. Mas é fato que casos reais tendem a engajar mais, despertando ao público um sentimento de proximidade com a marca. Surgem exclamações como: “Eu também gostaria de ter essa experiência!” Daí por diante, seus leads ficam mais propensos a fechar negócio.

7 vantagens de usar o storytelling em sua estratégia de conteúdo

Separamos aqui 7 benefícios que consideramos essenciais quando se utiliza o ato de contar histórias no plano de conteúdo:

  1. O público tende a absorver melhor a mensagem que sua empresa se dispõe a passar;
  2. Sua marca se torna mais humana, proporcionando maiores aberturas de diálogos com clientes;
  3. Seu conteúdo ultrapassa o lugar comum, indo além da linguagem convencional;
  4. A narrativa quando bem elaborada, é geralmente mais prazerosa do que textos dissertativos e técnicos. Dessa forma o cliente interage melhor com sua plataforma;
  5. O visitante acaba ficando mais tempo em seu blog envolvendo-se melhor com a narrativa;
  6. Seu conteúdo torna-se mais propenso a ser compartilhado pelo público leitor;
  7. Os conteúdos tornam-se mais lembráveis, já que histórias são mais fáceis de memorizar do que outros tipos de textos.

Imaginamos que uma chuva de ideias esteja desaguando em sua mente! Está lembrando-se de alguma história interessante que pode ser transformada em conteúdo de alta performance? Quem sabe essa seja uma grande oportunidade de começar o ano com conteúdos mais criativos e atraentes, a partir de uma boa história.

Você já usou o recurso de storytelling em sua estratégia de marketing de conteúdo? Divida sua história conosco!

Previous ArticleNext Article

This post has 2 Comments

2
  1. Pingback: Como escrever cases de sucesso para atrair clientes - MARKETING DE CONTEÚDO

Espere! Não esqueça de assinar nossa newsletter

Acesse conteúdo premium sobre marketing de conteúdo:

Suas informações de contato nunca serão usadas para enviar qualquer tipo de SPAM.