A reputação da marca de uma empresa é determinante para atração de novos contatos de negócio, aumentar a credibilidade e impulsionar referências perante o mercado. Nesse sentido, aprimorar a presença de empresas no LinkedIn pode ser uma boa estratégia. Afinal, estar apenas presente nessa rede social não é suficiente – é imprescindível ter uma política de conduta, estratégia e assertividade na gestão da página de uma corporação.Dessa forma, é possível criar autoridade para empresas no LinkedIn.

Três dicas para facilitar esse processo:

1) Atualize sua página com informações relevantes

Para garantir que a empresa tenha presença oficial na rede, certifique-se de que todas – ou pelo menos a maioria – das informações requeridas foram preenchidas. Não deixe de disponibilizar website, blog, endereço, contato e número de colaboradores. Além disso, escolha imagens de perfil e banner para que a sua marca seja facilmente reconhecida ou identificada.

Nesse momento de concepção da página, pense em qual posicionamento a sua empresa deseja ter no LinkedIn: mais institucional ou de recrutamento? Itaú Unibanco e Microsoft, respectivamente, são bons exemplos de cada um dos perfis de presença de empresas no LinkedIn. Esse posicionamento ficará claro nas informações preenchidas no resumo, produtos e serviços, e tipo de conteúdo compartilhado.

2) Compartilhe conteúdo na própria página e em grupos de influência

O LinkedIn pode ser utilizado para aprimorar a estratégia de marketing de conteúdo. Isso acontece quando as marcas utilizam a rede social como um novo canal para escoamento do conteúdo produzido em blogs corporativos – posts, e-books, vídeos, white papers, manuais etc. Essa é uma das dicas mais valiosas por dois motivos: funciona e está de acordo com o perfil de uso do LinkedIn, que é mais educativo do que de entretenimento, por exemplo. Tem-se, aí, credibilidade.

Portanto, é fundamental publicar com periodicidade – em média de dois a três posts por dia costumam resolver – tanto na própria página da empresa, quanto em grupos de influência. Assim, é possível alcançar seguidores e futuros seguidores da sua empresa. Se você possui dúvidas quanto ao tipo de conteúdo a ser publicado, veja essa apresentação do próprio LinkedIn com 15 dicas para updates de empresas.

3) Incentive seus colaboradores a utilizar o LinkedIn

Empresas no LinkedIn ganham – e muito – quando seus próprios funcionários sabem utilizar estrategicamente a rede social. Um exemplo bastante claro disso é quando os colaboradores preenchem corretamente suas próprias informações e marcam determinada empresa como empregadora. Isso evitará um processo automático de criação de páginas não-oficiais da corporação. Além disso, funcionários poderão recomendar a marca, produtos e serviços – o que é interessante para a imagem da empresa, como um bom local para se trabalhar.

A sua empresa utiliza o LinkedIn para turbinar a estratégia de marketing de conteúdo? Compartilhe conosco a sua experiência! Caso tenha dúvidas de que forma a presença nesta rede pode influenciar em sua estratégia, entre em contato com um de nossos consultores. 

Espere! Não esqueça de assinar nossa newsletter

Acesse conteúdo premium sobre marketing de conteúdo:

Suas informações de contato nunca serão usadas para enviar qualquer tipo de SPAM.