Todos no mercado já estão conscientes de que o Marketing de Conteúdo está em ascensão. Se você procurar por buzzwords ou trends, verá que conteúdo, engajamento, curadoria de conteúdo, etc., estão no topo das listas. O conteúdo virou o futuro do seu negócio e isso está muito transparente para todos.

Essa nova realidade está intimamente ligada ao fato de que, segundo uma pesquisa realizada pela Roper, 61% das pessoas se sentem mais confiantes sobre uma empresa quando ela fornece conteúdo personalizado e ficam mais propensas a tomar uma decisão de compra favorável.

Embora o Marketing de Conteúdo esteja crescendo vertiginosamente, as equipes de marketing e pequenas empresas estão tendo dificuldades em atender às demandas dos consumidores e produzir conteúdo de alta qualidade em grande quantidade. Muitas empresas decidiram ajustar o seu conteúdo e criar uma equipe para a produção do material, o que é maravilhoso. Contudo, por ser um mundo completamente novo, dúvidas aparecem e a maior delas é: como gerenciar esse time de conteúdo tirando o melhor proveito de cada membro e ainda conseguir aumentar a produtividade?

Se você também possui essa dúvida, não se preocupe! Iremos esclarecê-la ao longo do post de hoje, mostrando como a Plataforma da Contentools pode te auxiliar nesse desafio. Vamos lá?

Defina metas e identifique suas estratégias

Com a exigência dos consumidores cada vez maior, é crucial que os processos de Marketing de Conteúdo sejam capazes de permitir que seu time de conteúdo trabalhe de maneira mais assertiva, mas isso não significa que ele precise trabalhar mais. Afinal, sobrecarregar seu time pode gerar falhas humanas, ao invés de mais produtividade. A boa notícia é que existem maneiras de aumentar a produtividade sem desgastar a equipe.

Entretanto, antes de abordarmos a questão do gerenciamento, é preciso dedicar um tempo para falar sobre processos. Isso porque a criação de conteúdo não pode ser algo apressado – embora muitas marcas ajam como se esta fosse a maneira correta de se fazer. É preciso pensar sobre seu público-alvo (quem é ele, com o que ele se preocupa) e, principalmente, pensar em suas metas e estratégias como empresa. Portanto, antes de criar um time de conteúdo, defina:

  1. O que você deseja realizar com o seu conteúdo?
  2. Como você pode realizar seus objetivos de forma eficaz?
  3. O que você quer que o seu conteúdo realize?

Em suma, todos querem que o conteúdo gere mais clientes, não é mesmo? Em outras palavras, e nos termos da metodologia Inbound Marketing, as empresas querem que o conteúdo faça os consumidores caminharem ao longo do funil de vendas até que finalmente ocorra a conversão. Para isso, obviamente, é preciso criar outras metas específicas para o negócio, como por exemplo: aumentar a base de clientes, aumentar a reputação perante o mercado, aumentar o engajamento com o conteúdo, etc. As possibilidades são infinitas, basta saber aonde você quer chegar. E não esquecer de trabalhar com o monitoramento das métricas, é claro.

A Plataforma da Contentools é ótima para o gerenciamento de conteúdo. Entretanto, sabemos que antes disso precisamos trabalhar sua estratégia de conteúdo e por isso oferecemos mentorias para que você não só aprenda sobre a implementação da plataforma, mas que consiga definir suas personas e criar uma jornada de compra assertiva, com conteúdo relevante e de qualidade.

Identifique seu público-alvo

Conforme afirmamos anteriormente, quando pensamos em metas e estratégias, estamos pensando também no público-alvo. Por isso, quando você for definir suas personas, é importante pensar no que o seu público-alvo necessita ou deseja. Neste sentido, pense nas seguintes questões:

  • Quais são os dados demográficos gerais do seu público-alvo?
  • O que os influencia? Quem os influencia?
  • Do que o seu público-alvo precisa (informações detalhadas sobre o produto, tutorias, etc.)?
  • Quais são os problemas enfrentados pelo seu público-alvo e como você pode ajudar a saná-los?
  • Que perguntas seus leitores fazem e quais os tópicos eles gostariam de ver abordados?

Essas questões te darão um bom rumo tanto para a criação das buyer personas quanto para a geração de pautas para o funil de vendas, o que nos leva ao próximo tópico.

Crie um funil de vendas

Essa é a etapa que auxiliará o seu time de conteúdo a formular o calendário editorial – abordaremos esse assunto mais para frente – e permitirá que você atinja os seus clientes ideais em cada etapa do funil com um conteúdo específico, incentivando-os à conversão. Para criar esse funil, pergunte-se:

  • Quais são as principais questões e preocupações que a sua persona enfrenta nesta fase do funil?
  • Que perguntas a sua persona tem?
  • Que tipo de conteúdo e temas você pode lançar para responder a essas perguntas ou responder a essas preocupações?
  • Quais são alguns exemplos de títulos para esse tipo de conteúdo?

Agora que você tem suas metas e estratégias, sua persona e seu funil de vendas estruturados, você conseguiu montar uma estrutura propícia para o seu time de conteúdo trabalhar e construir conteúdos memoráveis. O próximo passo é montar o seu time de conteúdo!

Monte o seu time de conteúdo

Um time de conteúdo precisa ser eficiente, eficaz e bem organizado. Ele é um dos ativos mais importantes do Marketing de Conteúdo. Isso porque, uma vez que você coloque os recursos humanos para trabalhar nos lugares certos com responsabilidades definidas, você conseguirá trabalhar com alta produtividade e confiança e fará com que as atividades do dia a dia se tornem mais fáceis, pois elas estarão divididas e todos saberão o que é esperado e como atingir os resultados de forma hábil.

Cada time de conteúdo terá uma estrutura diferente, dependendo do seu tipo de negócio, de como será o seu mix de conteúdo e sua estratégia como um todo. Cada membro de seu time, naturalmente, será especializado em alguma área. Se você ainda não possui os membros ou não sabe onde procurar, não se preocupe! A Plataforma da Contentools possui diversos profissionais de Marketing de Conteúdo altamente especializados e prontos para te auxiliar na criação, produção e gerenciamento de conteúdo.

Mas, antes de você sair pesquisando, é importante compreender que um time de conteúdo precisa abranger certas especialidades. E também precisa entender quais as responsabilidades de cada um. Veja:

  • Redator: este é o criador de conteúdo e produzirá a maior parte da sua demanda, podendo colaborar com designers e outros membros da equipe na hora de criar conteúdos. Ele pode ser um jornalista, copywriter ou até mesmo um especialista do seu segmento e deve ter muita habilidade com a escrita.
  • Editor: esse é o profissional que revisa, edita e corrige os conteúdos. Ele atua como um suporte para o redator, fornecendo informações, referências e até auxiliando na estruturação do texto.
  • Content Manager: o gestor da conta é aquele que irá gerir seu calendário e coordenar o time de conteúdo como um todo, principalmente quando você atua com freelancers – nesse caso, ele é ainda mais fundamental. O Content Manager é aquele que garante a qualidade do conteúdo e a execução da estratégia como um todo, também atuando como editor em diversos casos.
  • Designer: esse é o profissional que dá o colorido e a fluidez para o conteúdo, trabalhando com imagens de blog posts originais, infográficos, apresentações ou tutoriais e e-books.
  • Editor em SEO: esse é um profissional analítico, que trabalha com o Google Analytics e KPIs, além de otimizar o conteúdo para os mecanismos de busca. Ele procura maneiras de otimizar o seu marketing de conteúdo e melhorar o ROI de seus esforços, garantindo que o desempenho do seu conteúdo seja memorável.

Como gerenciar seu time de conteúdo

Com o time estruturado, é hora de gerenciar seu time de conteúdo. Para isso, é preciso ter em mente que o Marketing de Conteúdo é orientado por processos e por isso é importante que cada membro do time entenda onde se encaixa, interagindo de forma eficiente todos os dias.

Boa parte dessa eficiência é traduzida em uma produção constante de conteúdo, que é o grande desafio. Essa produção pode ser dificultada quando os processos e aprovações são demorados, pois o sucesso do Marketing de Conteúdo está ligado à capacidade de gerenciar o seu time de conteúdo e de possuir ferramentas que facilitem o trabalho.

A produção de um conteúdo de qualidade em grande escala depende de um workflow bem estruturado e personalizado para a sua empresa, garantindo que os prazos sejam cumpridos e que cada um cumpra sua parte no “acordo”. É preciso uma linguagem clara e objetiva – ou seja, uma ferramenta, um cronograma de publicação (calendário editorial) e prazos estipulados (o tempo necessário para cada etapa do workflow).

Vamos agora recapitular para deixar mais claro o que é necessário para gerenciar seu time de conteúdo:

Calendário Editorial

Esse cronograma de publicações é o que mantém as atividades em dia e sua equipe alinhada. Ele informa onde o conteúdo se encontra em seu pipeline. Neste sentido, é fundamental que você mapeie toda a programação de publicação, incluindo a geração de pautas, o título, as atribuições de cada etapa, o formato de conteúdo, data de vencimento ou qualquer outra informação pertinente, como a persona, palavras-chave a ser utilizada, etapa do funil, etc.

A Plataforma da Contentools possui uma interface bem intuitiva com um Calendário Editorial de fácil acesso e totalmente personalizável às necessidades de cada cliente. Você pode atribuir as etapas a cada membro da equipe e os prazos de entrega para cada uma dessas etapas. Além disso, há um espaço para colocar o briefing da pauta, as palavras-chave e as informações sobre o funil de vendas e da buyer persona.

Workflow

Dependendo da estrutura do time de conteúdo e do formato do conteúdo em si, é possível formular diferentes workflows. Contudo, é importante saber quais as funções diárias e mensais de cada membro do time, com um workflow criado previamente.

Na Plataforma da Contentools é possível criar processos personalizados para cada tipo de conteúdo e ainda criar campanhas exclusivas. Em nosso post Como montar um workflow de produção de conteúdo para o seu cliente, elencamos alguns passos que devem haver em seu workflow para torná-lo mais eficiente:

  1. Brainstorming: Content Manager, Cliente, Agência.
  2. Primeiro esboço do conteúdo: Redator.
  3. Edição: Content Manager.
  4. Aprovação da agência: Content Manager (caso ele trabalhe dentro da agência) ou então um responsável de dentro da agência.
  5. Aprovação final do cliente: Cliente.
  6. Criação das imagens: Designer, Agência (nesta etapa é importante definir se haverá a aprovação final do cliente ou não e qual será o prazo também).

Automação

É possível atingir os mesmos resultados, ou até melhores, com menos esforço. Esse aumento da produtividade é atingido quando o gerenciamento do seu time de conteúdo é feito com automação através de uma ferramenta de qualidade.

Em nosso post anterior, também destacamos que se este workflow for elaborado de forma manual, o Content Manager ficará sobrecarregado com as cobranças e uma troca de e-mail extensa. Por isso a importância de usar e abusar da automação do conteúdo e do gerenciamento do time.

A Plataforma da Contentools aumenta a produtividade, pois além de personalizar o workflow, deixa os processos automatizados com disparos automáticos de e-mails e notificações relembrando prazos. Além disso, é possível trocar mensagens dentro da própria plataforma, evitando que informações importantes se percam.

Veja como é possível gerenciar o seu time de conteúdo de maneira mais rápida e com muita produtividade, marque um momento com nossos especialistas!

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Espere! Não esqueça de assinar nossa newsletter

Acesse conteúdo premium sobre marketing de conteúdo:

Suas informações de contato nunca serão usadas para enviar qualquer tipo de SPAM.