Qualquer área de atuação tem aquelas verdades das quais não dá para escapar.

Na gestão de conteúdo, uma dessas verdades é que tudo tem um preço. Mesmo que sua empresa queira reduzir gastos e resolva testar ferramentas gratuitas de organização, corre o sério risco de pagar com estresse, dor de cabeça e confusão da equipe.

Se essa história soa familiar, saiba que tal situação é comum. Muitos de nossos clientes já enfrentarem esse dilema da economia, como a VidMonsters. Isso porque a gestão de conteúdo é uma balança delicada: tudo que se tira de um lado vai pesar de outro.

E o que Carolina Picoli, Co-founder & Head of Marketing da VidMonsters, tem a dizer sobre abrir mão da nossa plataforma para economizar?

Foto de Carolina Picoli, Co-founder e Head of Marketing da VidMonsters.

(Carolina Picoli conversou sobre erros e acertos em gestão de conteúdo. Foto: Divulgação/LinkedIn)

“Foi uma economia que não fez sentido”

A VidMonsters é uma plataforma de videomarketing e uma startup que desde o começo investe na produção de Marketing de Conteúdo para posicionar a marca.

Matt Montenegro, CEO da empresa, já tivera uma experiência positiva com a Contentools e trouxe a nossa ferramenta para gerir o conteúdo da sua plataforma. Foi assim que Carolina descobriu as vantagens de usar nosso CMP, quando entrou na VidMonsters em setembro de 2017.

Ela não imaginava as dificuldades que enfrentaria a seguir…

Ainda no final daquele ano, a empresa precisou enxugar custos. Então, nessa tentativa de economizar, acabaram abrindo mão da Contentools.

Foi um desastre!

A equipe tentou por três semanas fazer a gestão de conteúdo usando uma ferramenta gratuita que não era específica para conteúdo. Usavam o Google Docs para criar textos. Trocavam informações com redatores ora por e-mail, ora por WhatsApp. Para Carolina, foi um caos:

“Os textos se perdiam. Não dava para confiar nos cards, porque às vezes alguém mexia em alguma coisa sem querer. O resultado é que perdemos textos, qualidade e produtividade. Os redatores ficaram chateados. Foi uma economia que não fez sentido.”

Depois de três semanas sofrendo com essa situação, só havia uma solução possível. Voltaram à Contentools e a vida se regularizou.

“A maior diferença da Contentools na gestão de conteúdo foi em termos de organização”

A VidMonsters sentiu na pele a dor da gestão sem a ferramenta certa para ajudar. Mas como a Contentools se pagou ao integrar novamente o marketing da empresa?

Primeiro, você precisa saber o tamanho dessa dor. Quando Carolina diz que os textos se perdiam, ela não se refere à produção de 1 ou 2 posts de blog por semana. Naquele momento, a estratégia envolvia a criação de 10 guest posts, 10 e-books e 50 blog posts internos por mês.

Imagine coordenar 5 a 7 redatores, cada um trabalhando e se comunicando de um jeito diferente. Não à toa o gerenciamento de marketing de conteúdo se tornou um caos sem uma ferramenta específica!

“Desde o início trabalhamos com um volume muito grande de conteúdo. Fazer isso sem a Contentools se tornou impossível, em três semanas a gente estava de volta. Abandonamos todas as ferramentas gratuitas para ficar só com ela e o fluxo voltou a funcionar completamente bem. Se o redator atrasa, a gente tem esse controle.

A maior diferença da Contentools na gestão de conteúdo foi em termos de organização, pois fica tudo ali dentro. Dá para saber o que está acontecendo, tudo fica mapeado.

Esse volume muito grande de conteúdo possibilitou um crescimento vertiginoso de tráfego e de indexação, cobrindo as palavras-chave necessárias, o que levou a startup a ultrapassar empresas que já faziam conteúdo há dez anos.

Após essa primeira fase hardcore, a equipe reduziu a intensidade e agora foca cada vez mais em qualidade. Ainda assim, a frequência de postagens surpreende: 30 posts internos no blog, mais 10 guest posts, mais otimização de textos diretamente no WordPress!

Este é o time responsável pela demanda atual:

  • Carolina (gestora de conteúdo interna): pautas, revisão e publicação no blog;
  • Marcos (redator interno): análise, edição e otimização dos textos já publicados;
  • Dois redatores da Comunidade Contentools: criação de novos conteúdos.

Além de economizar na dor de cabeça ao tornar a gestão de marketing de conteúdo muito mais prática e mais assertiva, Carolina ressalta a vantagem de contar com a Comunidade de profissionais dentro da nossa ferramenta:

“É difícil encontrar pessoas que tenham o tom de voz que você quer e depois treiná-las para se adaptar ao seu processo de produção. Fazer isso com a Contentools se tornou mais simples, porque as pessoas da Comunidade já conhecem como funciona o fluxo da ferramenta. Dentro de algum tempo, encontramos nosso time fixo e agora trabalhamos em duas pessoas internamente e dois freelancers remotos da Comunidade Contentools.”

Saiba mais: O segredo por trás da mais qualificada base de profissionais de Conteúdo da América Latina

“Para fazer um conteúdo se pagar, também é necessário ter um relacionamento próximo com SEO”

Essa é outra lição que a Co-founder & Head of Marketing aprendeu e compartilhou em nossa conversa. Na VidMonsters, esse relacionamento se dá em quatro etapas:

  1. Escolhem um texto publicado que querem que gere mais tráfego para a palavra-chave em questão;
  2. Analisam a posição em que esse texto está para essa palavra-chave no Google;
  3. Analisam todos os textos que estão na frente no Google: “o que eles têm que não temos?”;
  4. Listam o que pode ser feito para melhorar o texto. Às vezes, são coisas como incluir imagens e vídeos, ou pode ser melhorar a escrita, os títulos e a organização do conteúdo dentro desse texto.

Mesmo com esse método, Carolina recomenda a outros gestores muita calma para não perder a cabeça com SEO. Se você quer melhores resultados, prepare-se para ter jogo de cintura

“Em termos de estratégia de SEO, há ações que trazem resultados rápidos e nos empolgam. Entretanto, acontece de colocarmos muito esforço em algo e os resultados demorarem, até meses, para chegar. A gente passa desafios todos os dias: temos problemas com blog, com AdWords, com Analytics. Tem coisas que ainda são obscuras em relação a como o Google funciona, por exemplo. É tudo realmente complexo e exige esforço. Mas com uma estratégia de conteúdo bem desenhada e uma boa ferramenta de gestão, como a Contentools, os resultados chegam!”

O próximo passo na estratégia de SEO da VidMonsters é estruturar todos os artigos em topic clusters. É difícil com um volume tão grande de produção e um time enxuto, mas nos últimos dois meses Carolina tem feito esse esforço de estruturação.

“Fazer os links entre os textos, bonitinho, exige carinho e atenção.”

É bom saber que sua empresa não é a única que passa dificuldades com marketing digital, não é mesmo? O importante é aprender como superá-las.

Falando nisso, há outra lição que vai lhe ajudar muito.

“Pautas detalhadas precisam de tempo e dedicação no início, mas me fazem economizar muito tempo depois”

Para garantir o bom andamento da produção de conteúdo, Carolina tira duas semanas por mês para criar as pautas. Os redatores já as recebem estruturadas com todas as headlines e a explicação do que precisa ir em cada uma delas.

“Coloco H1, H2 e H3 do jeito que eu quero, assim garanto a assertividade. O briefing é essencial para que eu tenha a paz de espírito de saber que está tudo certinho e organizado. Eu entendo que a estratégia é minha responsabilidade e o redator precisa da minha visão para fazer o trabalho dele.”

A gestora de conteúdo aprendeu “aos trancos e barrancos” que, quanto mais completo o briefing, menos se incomoda. Toda vez que lhe chegava às mãos um texto mediano, ela perdia dois dias reescrevendo-o – algo inaceitável com tantos textos para cuidar.

“As pautas detalhadas precisam de tempo e dedicação no início, mas me fazem economizar muito tempo depois. Percebi que me dedicar mais às pautas era melhor, porque eu economizava na revisão dos textos.”

Esse é o segredo da produtividade de quem cria quarenta blog posts por mês! 😉

Agora é a sua vez

Uma hora ou outra, toda empresa precisa economizar. Ao fazer isso, tome muito cuidado para não pagar com perda de produtividade e de qualidade do trabalho.

Como você viu no exemplo da VidMonsters, custa caro não ter uma ferramenta específica para gestão de conteúdo. Sem ela, o caos logo se instala na equipe e toda a estratégia de marketing começa a andar para trás.

A boa notícia e que a Contentools oferece uma solução fácil e assertiva sem sobrecarregar a balança. Veja com nossos consultores uma demonstração na prática.

Leia também:

Topic Clusters: o futuro do Marketing de Conteúdo já começou!

Esta agência digital encontrou a chave para economizar 30% do seu tempo!

Conheça a empresa que cresceu 9x em visitantes mensais ao parar de terceirizar seu conteúdo

Espere! Não esqueça de assinar nossa newsletter

Acesse conteúdo premium sobre marketing de conteúdo:

Suas informações de contato nunca serão usadas para enviar qualquer tipo de SPAM.